10 motivos para viajar para Vancouver

10 motivos para viajar para Vancouver

Poucas cidades no mundo combinam modernidade e natureza com tanta sintonia como Vancouver!

Classificada como uma das melhores cidades para se viver no mundo, Vancouver é como um portal para incrível paisagem da região de Colúmbia Britânica, no Canadá: Em seu redor Montanhas Costeiras e o Oceano Pacífico, em sua região bares, restaurantes, mercados tradicionais mesclados com florestas e vida selvagem… Vancouver definitivamente é uma cidade que todo viajante precisa conhecer! E para os que não acharam motivos o suficiente para isso, listamos 10:

1 – A grande beleza de ser pequena
Já imaginou cruzar uma cidade inteira em no máximo 45min? Essa é Vancouver, pequena porém gigante! A cidade é perfeita para aqueles que amam caminhar e descobrir as belezas de cada bairro, cada rua…

2 – Bairros diversificados
Cada bairro de Vancouver apresenta uma singularidade. West End, por exemplo, é o bairro dos restaurantes e das praias – uma ótima combinação para aqueles que querem uma refeição fantástica acompanhada pela belíssima vista do mar. Já Chinatown, lar da terceira maior comunidade chinesa da América do Norte, é um bairro cultural que mistura as tradições do oriente com as da região. Gosta de compras? Visite Gastown – um passeio pelo bairro é quase que um passeio pelos anos de 1900, onde os visitantes encontram artigos de diversos tipos e influencias de diversas nacionalidades, além de restaurantes incríveis e bares para noite. A vida noturna também é badalada em Yaletown, onde nos antigos galpões depósitos viram bares e baladas!

3 – Gastronomia
Vancouver foi recentemente listada como uma das “10 melhores cidades de restaurantes do mundo” pela renomada revista Food & Wine. A cidade apresenta diversas opções gastronômicas, e surpreende pela criatividade dos chefs em transformarem pratos maravilhosos em experiências fantásticas.
Todos os gostos se encontram em Vancouver: Quer hambuguer? Procure pela Robson Street. Cafés? Procure em WestEnd ou Commercial Drive! Comidas orientais? Também podem ser encontradas na Robson Street, em Yaletown, e lógico, em Chinatown. A culinária italiana, mexicana e cubana também tem espaço pela cidade… E lógico: os frutos do mar abundantes pela proximidade da costa fazem parte do cardápio da cidade!

4 – Natureza
Vancouver ostenta belezas naturais: na água ou na terra descobrir a natureza da cidade pode ser sensacional!

Na água:

A parte aquática da cidade conta com o oceano pacífico como aliado: você pode desvendá-lo em passeios de barcos ou iate, ou de maneira mais aventureira como caiaques – além de ter a oportunidade de observar baleias como orcas e baleias cinzentas no período entre março e outubro.
Quer mergulhar? Aproveite para conhecer os recifes artificiais criados em navios que afundaram no Parque Cover Provincial. A pesca de salmões também é uma pratica tradicional da região, e você pode participar de um dos Chaters de pesga em água salgada com todo equipamento necessário.

Na terra:

Parques e jardins botânicos são abundantes em Vancouver, e caminhadas pela natureza podem acontecer neles, ou até em trilhas por riachos e caminhos beira-mar. Para os que querem explorar a floresta há uma variedade de trilhas com ou sem guias para descobri-las!

Há possibilidade também de realizar esportes na natureza, como escaladas pela Stawamus Chief ou no Desfiladeiro Capilano.

E por que não no céu?
Quer mesclar as belezas de terra e mar? Você pode fazer isso sobrevoado a cidade em “citytours” em pequenos aviões!

5 – Ponte suspensa de Capilano

 

ponte1

Um dos principais pontos da cidade é a ponte de Capilano. Com mais de 120 anos de existência a ponte oferece uma aventura de 137 metros de comprimento e 70 metros a cima do rio Capilano.

A bela ponte suspensa a principio parece ser simples, mas o fato de balançar um pouco e sertão alta deu para ela o status de ponte de aventureiros! Ela é extremamente segura e concede ao visitante do parque em que se localiza uma visão incrível da natureza!
Para os que gostam da ideia de pontes, vale também conhecer a Gondola Skyride, no topo da montanha Grouse – um pico de Vancouver que oferece uma vista panorâmica única da cidade!

6 – Baleias, ursos e muito mais
Uma das atividades mais comuns de Vancouver quando falamos de animais é a observação de baleias. Algumas excursões levam os visitantes aos melhores pontos de observação desses animais que fazem da região sua rota. De março a outubro é possível ver baleias-cinzas pelas aguas de Tofino/Ucluelet da ilha de Vancouver. Em maio baleias assassinas que habitam o sul migra para o Estreito de Georgia para se alimentar dos salmões, e em Julho quem vem se alimentar dos salmões canadenses são as baleias assassinas do norte, que ficam na região do Estreito de Johnstone.

É possível observar ursos pardos nos parques mais afastados do centro ou em bairros mais próximos à natureza. É aconselhado que essas buscas por ursos sejam feitas com guias preparados- afinal são fofos, mas são animais selvagens!
É possível encontrar facilmente em parques pela cidade coiotes, pássaros e outros animais.

7 – Crianças
Vancouver é uma cidade ótima para viagens em família, e oferece roteiros encantadores para crianças! Além de guias disponibilizados gratuitamente com linguagem adaptada para crianças, a cidade desperta a curiosidade dos pequenos ao explorarem uma natureza tão bem preservada!

8 – Destino de Inverno
Vancouver também abriga os viajantes apaixonados de inverno, combinando locais com neve enquanto o centro da cidade apresenta temperaturas entre 6° e 14° C na estação.

Como a cidade é rodeada por áreas rochosas é possível chegar rapidamente a montanhas excelentes para esquiar e praticar outros esportes de neve. Entre essas montanhas destaca-se a Cypress, instalação de jogos de inverno olímpicos e paraolímpicos.

Para os que não querem partir para os esportes, tanto a Cypress, quanto outras montanhas, apresentam uma variedade de atividades como passeios guiados ou patinação, além e restaurantes nas montanhas! Outro destaque é a montanha Grouse que na estação disponibiliza passeios de trenós e visitas à Oficina do Papai Noel.

9 – Pré ou pós viagem
Vancouver é uma cidade que combina com várias combinações de viagem: é um portal para América do Norte, caminho pela rota das montanhas canadenses (que podem ser conhecidas pelos trens da Via Rail ou pelo Rocky Montaineer), além de ser parada de cruzeiros pelo Alaska.

10 – A cidade da rota de trem!
A cidade também é rota de inicio ou final da linha “The Canadian”, principal rota turística que atravessa todo o país! Vale a pena descobrir o Canadá dessa forma!

 

Conhece mais motivos para conhecer Vancouver? Comente com suas dicas pela cidade!

SUGESTÕES DE VIAGENS PARA VOCÊ

Deixe seu comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Siga nosso instagram @trainsandtours

Ícone Mailing

RECEBA NOSSAS OFERTAS